terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Seu Pedro

Eu nem olhei tanto
para os meus cabelos
cortados e pretos e brancos
deixei-os crescer por quatro meses e meio

Seu Pedro é vascaíno
é barbeiro e nordestino
Ele é um artista
que trabalha com carinho
igual a uma criança distraída e talentosa
veio para Santa Rosa
na Duque Estrada com a Doutor Sardinha
há mais de cinquenta anos o meu vizinho.

2 comentários:

VerMent* disse...

De quão longe veio, para cortar seus cabelos... (só um comentário de viagem na poesia, não me leve a mal). Bela!

Bruno Monteiro disse...

jóia!