terça-feira, 5 de junho de 2012

Imagem e semelhança


Agora o abismo
Tem feito a mudança na vizinhança
Eu não abomino
A sua vacância
Somos sismos e símios
Em imagem e semelhança

Embora a vida
Seja levada na berlinda
Ela segue linda e atrevida
Uma noite a mais é menos um dia
E a letargia causa alergia
Estou vivo ainda.

Um comentário:

VerMent* disse...

A cada dia, novos fogos por isso!

#Belo mesmo!