sexta-feira, 6 de abril de 2012

O que serei será

O que serei será
uma esperada surpresa
um ermo lugar
uma personagem
solta e presa
na cartilagem
da minha pressa
entre a coragem
e a cautela
após a camada de preguiça
ser removida
o que serei será
da minha cabeça
do meu olhar
do coração uma defesa
em pleno ataque
uma luz bêbada
de eletricidade.

Um comentário:

VerMent* disse...

"uma personagem
solta e presa
na cartilagem
da minha pressa"... que lindo!