sexta-feira, 2 de março de 2007

Ao sabor dos olhos

Liberdade é a palavra
A chave é saber domá-la
Sem deixá-la dormir
No branco vazio do papel
Ou num banco frio esperando se ouvir
Ao sabor dos olhos do céu.

Um comentário:

Samuel disse...

Fala meubom, é isso aí.

O céu que nos protege
É o mesmo que nos condena
A vida é isso mesmo
Toda emoção vale a pena ... ... ...